O que é Inbound Marketing? Definição

O Inbound Marketing sempre me fez pensar na expressão “Não importa o quanto corremos atrás das borboletas (clientes), elas sempre escolhem aqueles jardins mais floridos. Então, cultive flores no seu jardim (empresa), de todas as cores”.

É um estilo de marketing que consiste em focar em “melhorar seu negócio e não correr atrás de clientes”. Podemos também comparar o Inbound Marketing ao perfil do comercial “farmer” (fazendeiro) por oposição ao “hunter” (caçador).

Esse termo americano, ilustra bem as ações de marketing digital visando atrair o cliente para si, em vez de ir buscá-lo. Falamos também de clientes ganhos, em contraste com os clientes pagos (comprados com publicidade). Este conceito é semelhante ao Marketing de Permissão de Seth Godin.

Segundo o Wikipedia, “Inbound Marketing é realizar a propaganda de uma empresa através de blogs, podcasts, vídeos, livros, newsletters, white papers, SEO, marketing de mídia social, e outras formas de marketing de conteúdo.

Por outro lado, a compra de atenção, telemarketing, mala direta, rádio, anúncios de TV, panfletos de vendas, spam, e-mail marketing, telemarketing e publicidade tradicional são considerados ‘Outbound Marketing’.

O Inbound Marketing ganha a atenção dos clientes, tornando-se fácil de ser encontrado e atrai clientes para o site através da produção de conteúdo interessante.”

Comentários e consequentemente recomendações, indicações e boca a boca (bate-papo) são possíveis pela Internet e são considerados também formas de Inbound Marketing.

Até Links Patrocinados podem ser considerados Inbound Marketing. Afinal, eles são uma forma de intrusão muito sútil, já que as pessoas devem estar buscando por aquilo que você vende se a campanha for de performance e bem otimizada.

O termo Inbound Marketing foi popularizado pela HubSpot, que se apropriou dele, criando e usando sua metodologia para sua própria promoção, com um blog muito ativo e rico. No final de 2011, a empresa conquistou mais de 6.000 clientes em 43 países, gerando um volume de negócios anual de mais de US $ 29 milhões (+ 81% em um ano).

Livro Inbound MarketingEle é também o título do Livro de Brian Halligan, CEO e cofundador, e do Dharmesh Shah, cofundador e CTO da empresa. Publicado em 2009, esse livro aborda vários conceitos, e pergunta “Seu site tem vida? Seu site é um concentrador de marketing?” Ele nos lembra que o que importa “não é o que você diz, é o que os outros dizem sobre você”.

Segundo ele, existem dois métodos para criar uma estratégia de Inbound Marketing vencedora: “Refletir além dos limites tradicionais do seu mercado para encontrar alternativas” ou “Ser o melhor do mundo no que você faz dentro das regras existentes do seu mercado”.

Aconselho a leitura, um artigo detalhando o conteúdo deste livro está disponível aqui.

A Metodologia Inbound Marketing:

Em três fases:

  • Ser encontrado
  • Converter
  • Analisar

Metodologia Inbound MarketingOu cinco:

  • Atrair tráfego
  • Converter visitantes em leads
  • Converter leads em vendas
  • Fidelizar e tornar cada vez maior sua margem
  • Analisar para melhorar de forma contínua

Inbound Marketing na prática:

  • Conteúdo: Constrói uma fábrica de conteúdo de forma colaborativa via Blog
  • Palavras-chave: Encontre as melhores palavras-chave do seu negócio e garanta uma elevada qualidade de informação de palavras-chave
  • Links: Espalhe seus links e monitore seus ganhos em termos de SEO
  • SEO: Otimize o conteúdo dos seus títulos, cabeçalhos, meta-tags, tags alt, imagens, etc
  • Mídia Social: Compartilhe seu conteúdo de qualidade e espalhe a palavra, no intuito de desenvolver relacionamentos duradouros
  • Website: Tenha um “concentrador de marketing”; otimize a arquitetura, a navegabilidade e acessibilidade, o design e a experiência do usuário, para criar um “hub” de leads

Fontes de tráfego do Inbound Marketing

E por que fazer Inbound Marketing e não Outbound (Marketing tradicional)?

Para qualquer tipo de empresa, mas particularmente para empresas pequenas ou de médio porte (sem grande capacidade financeira e orçamento de Marketing limitado) o Inbound Marketing pode se tornar uma estratégia de melhor custo benefício:

  • Consome menos dinheiro: Enquanto o Marketing tradicional precisa de verba e funcionários para ser efetuado corretamente, o Inbound Marketing precisa somente de mão de obra. Quase todas as formas de realizar esse tipo de marketing são grátis. Não significa que não possa atingir um custo bastante alto, mas isso dependerá do nível dos funcionários que você precisará para a sua realização.
  • Precisão: O Inbound Marketing permite identificar com mais facilidade e de forma mais precisa quem está interessado no seu trabalho, quem é seu público-alvo. Isso porque os clientes potenciais entram em contato com você de forma espontânea, já que eles estão interessados e procuram seus produtos/serviços. O que não é o caso do Outbound, que geralmente atinge as massas sem distinção.
  • É investimento, não despesa: Enquanto no Marketing tradicional você precisa de verba e orçamento contínuo na gestão de publicidade para atingir sempre novos prospects, no Inbound Marketing você investe bastante no início para poder se tornar a “referência” do seu mercado, aparecendo primeiro no Google e criando comunidades nas redes sociais a respeito dos seus produtos ou serviços no médio-longo prazo. E quando você chega nesse nível, o seu marketing acaba se fazendo sozinho e torna extremamente difícil para um concorrente se posicionar melhor no mercado.

E para finalizar esta definição, queria lançar uma enquete sobre qual seria a melhor tradução em português para Inbound Marketing?

  • Marketing de Permissão?
  • Marketing Receptivo?
  • Marketing de Fazendeiro?
  • Marketing de Atração?
  • Marketing de Atração Orgânica?
  • Marketing de Entrada?
  • Marketing de Relacionamento?
  • Marketing não Intrusivo?
  • Marketing de Conteúdo?
  • Alguma sugestão?

Não hesitem em deixar sua opinião na parte dos comentários.

Me adicione ao Google+ e siga-me no Twitter @EricApesteguy

  • Leo

    Grande post Eric, comecei a trabalhar com Inbound Marketing ano passado, numa empresa de consultoria na China. Retornei ao Brasil a pouco tempo e tento explicar para meus clientes a metodologia mas minha experiencia mostra que os problemas já começam pelo nome – Inbound Marketing.
    O termo não parece ter fácil aceitação por aqui. Minha sugestão, e vai ser o que vou fazer, é usar o termo Marketing de Atração! O que acha?! valew

  • http://www.aotopo.com.br Eric Apesteguy

    Obrigado Leo, você tem razão.
    Por isso precisamos evangelizar nossos clientes ao termo e processo.
    Valeu pela sugestão, vamos aguardar outras para tentarmos definir um termo em português 😉 Abraços!

  • marcelo

    Eric, muito interessante este tema. Gosto de termo Marketing de Atração, mas na minha opiniao, falta transmitir um detalhe: a naturalidade com que o cliente toma conhecimento do produto/servico e passa a replicar a experiencia positiva. Sugiro Marketing de Atracao Organica. Abcs. Parabens pelo post.

  • http://www.aotopo.com.br Eric Apesteguy

    Obrigado Marcelo. Boa sugestão, adicionei na lista!
    Vamos aguardar mais. Abraços!

  • Eduardo

    Cara….show de bola seu post
    Estou criando um videoblog com super posts como o seu…
    Eu crio um videoscribe de super posts como o seu
    vc me autoriza criar um vídeo desse post?

  • http://www.aotopo.com.br Eric Apesteguy

    Claro Eduardo, só não esquece de citar o autor e de linkar para o post. Beleza? Abraços!

  • Rodrigo Carvalho Silveira

    Olá, Eric!

    Parabéns pelo post! Acredito que essa frente está em fase embrionária no Brasil, apesar de todas as características (comportamento do público) que colocam o nosso mercado em um contexto extremamente favorável à adoção do Inbound Marketing. Nesse sentido, achei interessante a construção das metáforas no início do texto, certamente funcionam bem para difundir o conceito.

    Meu voto para a tradução do termo vai para… “Marketing de Conteúdo”. Ou você acredita que há alguma divergência entre os significados?

    Forte abraço!

  • http://www.aotopo.com.br Eric Apesteguy

    Olá Rodrigo! Obrigado.

    A meu ver o Marketing de Conteúdo é somente parte do Inbound Marketing. Uma parte importante e central, mas é preciso entender também de SEO, Mídias Sociais, Design, AI, UX, etc. e de tecnologia de forma geral para conseguir fazer um bom Inbound Marketing. Contudo, vou adicionar marketing de conteúdo na lista e vamos aguardar a opinião dos outros. 😉

    Abração!

  • Kaio Fernandes

    Marketing de relacionamentos, pelo fato de você sair do termo fornecedor para se tornar mais para um amigo dos clientes…

  • Fabio Andriolo

    Eric, parabéns pelo conteúdo. Você conseguiu de forma clara explicar o assunto. Desenvolvo conteúdos digitais há mais de 20 anos e acredito que o melhor termo em português para o tema seja Marketing de Conteúdo.
    Grande Abraço.
    Fábio

  • Cezar Augusto Gehm Filho

    Parabéns Eric! Realmente está muito bom o conteúdo! Super didático!

    • http://www.aotopo.com.br/ Eric Apesteguy

      Obrigado Cezar! Que bom que gostou.