Como criar uma newsletter otimizada

Campanhas de e-mail marketing e newsletters comerciais ainda têm seu público e podem gerar boas vendas se seguirem certas regras. Quer sugerir mais alguma?

Elaborei uma lista não-exaustiva de pré-requisitos para criação de uma newsletter otimizada.

A primeira regra, antes da própria criação, é obviamente ter um banco de dados de e-mails de qualidade (pessoas que se cadastraram) e higienizado (onde foi efetuado uma manutenção regular).

Lista de boas práticas:

  • Tamanho: 550px de largura máxima
  • Integrado com o site (que faz lembrar o site)
  • Layout simples, sem tabelas complexas (melhor ter várias simples)
  • Cabeçalho, conteúdo principal, conteúdo secundário, rodapé
  • CSS: especificações de background na tag body será desconsiderada pelos webmails. Melhor dentro da tabela com 100% de largura e especificar um background para ela
  • Folha de estilo externa será desconsiderada
  • CSS deve ser usado apenas para formatação de fontes
  • Fazer a newsletter de forma que ela funcione sem depender da CSS
  • Nada de Flash, vídeo ou formulários. Banidos do Outlook 2007
  • Utilizar recursos simples; âncoras de HTML ou gifs animados por exemplos
  • Ser criativo na apresentação
  • Hospedar as imagens dentro do servidor do site com caminhos absolutos; (img src=”http://www.exemplo.com/img/exemplo.jpg”). Deixar as imagens hospedadas muito tempo, já que a newsletter pode ser lida mais tarde
  • Evitar newsletters somente compostas por imagens
  • Não esquecer de colocar as opções de opt-in e opt-out
  • Para mensurar campanhas de email marketing, é sempre bom parametrizar os links da Newsletter com o URL Builder do Google por exemplo
  • Testar antes de enviar

Quem quiser pode fazer sugestões, aumentar e melhorar a lista.

Me adicione ao Google+ e siga-me no Twitter @EricApesteguy